Páscoa ou Passagem?

A Páscoa nos remete à Travessia do Mar Vermelho (Êxodo, 14.5-31) e à intervenção divina na vida dos fiéis.   "Passagem"  é o sentido que melhor define o sentimento desses dias: Hoje, especialmente, com a despedida do imortal Gabriel Garcia Marquez. 

Não vamos nos alongar em enumerar os passamentos, mas agradecer à reflexão proposta por Iuri um colaborador nosso, do município de Pintadas-Ba. Iuri nos chama a atenção para nossas dificuldades pela sobrevivência. Eu concordo com ele que há situações densas, pelas quais escolhemos passar -ou não-  mas que diante delas, desejamos, de verdade, uma ponte, um barco, asas ou qualquer coisa que nos permita atravessar os desafios da vida, sem molhar os pés.

Suas palavras nos despertaram para a consciência de saídas impensadas, quando estamos em situações limites, porém imbuídos do profundo desejo de resolver a questão que nos é imposta pela vida, pelos nossos atos, ou omissões.  Nas palavras dele: "Como se fosse do nada, a inspiração vem e abre o mar das nossas aflições, aplanando os percalços e dissipando as névoas das nossas limitações, para que possamos atravessar o mar da vida. Mesmo não sendo santos, mesmo sabendo que logo ali, adiante, nossa condição humana nos desafiará e precisaremos de novas pontes..."

Agradeço ao texto do Iuri e lhe pergunto:  Você já agradeceu ao Universo pela ponte?

Um grande abraço e Feliz Páscoa!!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá, deixe aqui seu comentário, que logo responderemos. Obrigada por ter acessado este Blog.